Cadastro Auxílio Emergencial

O cadastro auxílio emergencial tem o intuito de oferecer o benefício de 600,00 para as famílias de baixa renda e que serão mais impactadas pelo novo corona vírus. Por conseguinte, estar a par de como fazer esse cadastro é fundamental para que você receba essa ajuda do Governo Federal durante 3 meses. No entanto, como já era de se imaginar, existem muitas dúvidas sobre esse assunto. Então, como forma de lhe ajudar, abaixo estão mais informações importantes referentes a esse cadastro auxílio emergencial que é tão indispensável.

Cadastro Auxílio Emergencial

Cadastro Auxílio Emergencial

Auxílio Emergencial de 600 reais

Para começar é fundamental entender que o auxílio emergencial tem o valor de 600 reais determinado. Por consequência, isso significa que sendo beneficiado por ele, você vai receber essa quantia durante 3 meses.

No entanto, a depender de como irá continuar a situação no Brasil por conta do covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, o recebimento desse valor pode ser prorrogado. Além disso, é interessante entender que em alguns casos esse valor pode ser de R$ 1.200,00, sendo principalmente direcionado para as mulheres que são consideradas chefe de família.

No mais, cada família pode receber a quantia de dois benefícios, o que não pode ser ultrapassado.

Quem tem Direito ao Auxílio Emergencial?

Como já era de se imaginar, para receber o benefício você precisa obrigatoriamente se encaixar nos requisitos que são estabelecidos pelo Governo Federal. Afinal de contas, o coronavoucher é voltado apenas para uma parte da parcela da população, exatamente para que o processo fique justo.

Sendo assim, veja abaixo mais informações sobre quem tem direito ao auxílio emergencial:

  • É necessário ser maior de 18 anos;
  • Não pode ser empregado formal;
  • A renda deve ser de até meio salário mínimo, valor esse que é de R$ 522,00, por pessoa ou a renda familiar total não pode ultrapassar ultrapasse três salários mínimos, que equivale R$ 3.135,00;
  • Não ter recebido valor tributável com valor superior a R$ 28.559.70 em 2018, de acordo declaração do Imposto de Renda;
  • Não estar recebendo nenhum tipo de assistência social ou previdenciária, como seguro desemprego ou doença, por exemplo, com exceção somente do Bolsa Família.

Além disso, ainda há outras exigências que você precisa se encaixar em pelo menos uma delas:

  • Ser contribuinte do Regime Geral de Previdência Social (RGPS);
  • Ser microempreendedor individual (MEI) ou trabalhador informal ou autônomo;
  • Estar inscrito no Cadastro Único de Programas Sociais (CadÚnico).
Quem tem Direito ao Auxílio Emergencial

Quem tem Direito ao Auxílio Emergencial

Cadastro Auxílio Emergencial

O cadastro é muito simples, basta baixar o aplicativo do auxílio emergencial e em seguida:

  • Clique em “realize sua solicitação”;
Realize sua solicitação

Realize sua solicitação

  • Informe os dados solicitados, CPF, nome da mãe, data de nascimento e em seguida clique em “continuar”
  • Informe o número do seu celular e digite o código que você vai receber por mensagens no aplicativo;
  • Então, informe as suas informações de quanto ganha por mês, a sua ocupação e o estado e cidade que você reside.
  • Em seguida, passe as informações referentes a quantas pessoas moram na sua casa, preenchendo também o CPF de cada uma delas.
  • Escolha como vai receber o auxílio, em uma conta que você já tenha ou crie uma poupança rápida;
  • Confira os dados e veja se está tudo correto e depois “finalize”.
Como Fazer Cadastro Auxílio Emergencial

Como Fazer Cadastro Auxílio Emergencial